Este site utiliza cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Saiba mais

No Distrito: Luís Rosa preside à UGT

- 14/12/2017 - 2:30

Luís Rosa é o novo presidente da UGT no Distrito de Castelo Branco.

Luís Rosa é o novo presidente da UGT no Distrito de Castelo Branco. O técnico superior na Câmara de Castelo Branco substitui no cargo Rogério Bentes, que apresentou a sua demissão (por razões pessoais e profissionais) em novembro, e vai manter-se em funções até abril do próximo ano, altura em que termina o atual mandato.

Luís Rosa já exercia as funções de vice-presidente, e no último Conselho Geral Extraordinário, o secretariado votou no sentido de ser ele a assumir as funções de presidente até ao final do mandato. Para além de Luís Rosa, na gestão da UGT do Distrito de Castelo Branco estão Carmo Batista, como vice-presidente, Valéria Gonçalves (secretária executiva), Daniel Matos (tesoureiro), João Marrocano e Vitor Carmona (vogais). O presidente da mesa do conselho geral e do congresso é Gabriel Constantino, enquanto que o presidente do conselho fiscalizador de contas é Armando Gomes.

O novo presidente da UGT em Castelo Branco diz que "vai ser proposto, para aprovação, o plano de atividades e o orçamento ao Conselho Geral, órgão que integra todas as organizações sindicais afetas á UGT, com atividade no Distrito)".

A aposta, diz Luís Rosa, será nas formação. "Temos um acordo com o Centro de Formação Sindical e Aperfeiçoamento Profissional, e queremos apostar nessa área. Há já alguns anos que temos efetuado ações, quer no domínio profissional, quer liderança, ou de informática e línguas", explica, para acrescentar: "também já tivemos percursos formativos para desempregados e vamos tentar que se consigam fazer novamente. Este tipo de oferta é fundamental, não só do ponto de vista profissional, como económico e social".

Paralelamente às ações de formação, a UGT no Distrito de Castelo Branco, que reúne mais de 4100 associados, continuará a realizar debates e conferências, e irá assinalar o Dia do Trabalhador e o Dia da Mulher.

COMENTÁRIOS