Este site utiliza cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Saiba mais

Praias fluviais: Distrito tem 16 qualificadas para banhos

José Furtado - 13/05/2018 - 11:46

A maioria das praias concentra-se na zona do Pinhal, onde está também a única bandeira azul da região.

A Fróia é uma das praias qualificadas para banhos. Foto Lídia Barata/ Reconquista

 

O distrito de Castelo Branco terá este ano 16 praias fluviais qualificadas oficialmente como praias de banhos, cujo funcionamento e qualidade da água serão controlados pelas autoridades.

A portaria foi publicada no início do mês e as primeiras praias devem começar a funcionar a 1 de junho.

As praias fluviais de Almaceda e Sesmo, no concelho de Castelo Branco, são duas das que abrem nesta data, tendo autorização para funcionar até 7 de setembro.

Também no primeiro dia de junho começam a funcionar as praias fluviais de Unhais da Serra (Covilhã), Ribeira Grande e Troviscal (Sertã).

Na Covilhã o período de funcionamento vai até 30 de setembro e na Sertã até 31 de agosto.

A 15 de junho começa a época balnear em Açude Pinto e Álvaro, no concelho de Oleiros, até 31 de agosto.

Na mesma data começam a funcionar as praias de Bostelim, Fernandaires, Pego das Cancelas, Penedo Furado e Zaboeira, todas no concelho de Vila de Rei, onde o calendário chegará até 15 de setembro. Aldeia Ruiva, Fróia e Malhadal, em Proença-a-Nova, começam a sua atividade a 23 de junho, até 9 de setembro.

As últimas praias com autorização para funcionar abrem oficialmente a 1 de julho. São elas Castelo Novo no Fundão (até 31 de agosto); Cambas em Oleiros (até 31 de agosto) e a da albufeira da Meimoa, em Penamacor, que deverá ser a última no distrito a encerrar a sua época balnear, a 16 de setembro.

O concelho de Vila de Rei, com cinco praias fluviais oficiais, continua a ser no distrito de Castelo Branco aquele com o maior número de zonas balneares deste género.

Seguem-se Proença-a-Nova e Oleiros, com três em cada.

BANDEIRA A Praia Fluvial do Bostelim é pelo terceiro ano consecutivo a única do distrito de Castelo Branco a garantir a Bandeira Azul, que este ano é atribuída a 332 praias costeiras e interiores.

A região centro, onde se localiza o distrito de Castelo Branco, exibirá esta época balnear 71 bandeiras azuis, sendo a região do país com mais praias fluviais galardoadas, diz o Turismo Centro de Portugal em comunicado.

Segundo a Associação Bandeira Azul da Europa foi pela primeira vez ultrapassada a barreira das três centenas de praias galardoadas, o que faz com que tenham sido reconhecidas “mais de 55% da totalidade” das praias portuguesas.

A bandeira azul é atribuída depois de analisados os parâmetros da informação e educação ambiental, qualidade da água, gestão ambiental e equipamentos e, finalmente, da segurança e serviços.

Para o presidente da Câmara Municipal de Vila de Rei, Ricardo Aires, “esta nova atribuição da Bandeira Azul à Praia Fluvial do Bostelim vem reforçar e reconhecer a enorme qualidade das zonas balneares do nosso Concelho que, anualmente, recebem largos milhares de visitantes”, diz em comunicado.

Esta praia, que fica na freguesia de São João do Peso, foi inaugurada em 2007 e tem uma extensão de cerca de 100 metros, contando com um parque de campismo rural.

É ainda o ponto de partida da rota do Bostelim, um percurso pedestre de nove quilómetros que tem como atrações as levadas, açudes, moinhos e uma ponte centenária.

COMENTÁRIOS