Este site utiliza cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Saiba mais

Ródão: Agência do Ambiente decide encerrar Centroliva

José Furtado - 16/04/2018 - 16:04

Empresa instalada em Vila Velha de Ródão terá ainda de pagar uma coima de 300 mil euros. Ordem abrange unidade de secagem de bagaço e extração de óleo.

Agência Portuguesa do Ambiente volta a penalizar a empresa situada em Vila Velha de Ródão. Foto arquivo Reconquista

 

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) determinou o encerramento da unidade de secagem e extração de óleo de bagaço de azeitona da Centroliva, condenando a empresa de Vila Velha de Ródão ao pagamento de uma coima de 300 mil euros.

O encerramento será válido durante três anos.

Segundo a APA a decisão “é relativa a cinco processos contraordenacionais que corriam termos contra a mesma pessoa coletiva por efetuar descargas de águas residuais para a Ribeira do Lucriz, afluente do rio Tejo, na localidade de Vila Velha de Ródão, que foram objeto de apensação visando uma apreciação conjunta e a prolação de uma decisão única”, diz o comunicado a que o Reconquista teve acesso.

A esta empresa foi imputada a prática “de sete contraordenações ambientais muito graves”.

As práticas dolosas “envolveram a descarga de águas residuais não titulada para o meio hídrico, introdução de cinzas no meio hídrico e descarga de águas degradadas, sem prévia depuração, para o solo”.

A Centroliva dedica-se à secagem e extração de óleo de bagaço de azeitona

O Ministério do Ambiente tinha determinado em novembro do ano passado a paragem da atividade da Centroliva, intimidando a empresa “a tomar medidas para retomar a atividade”, após uma “descarga de águas pluviais contaminadas” ocorrida a 4 de novembro.

A empresa retomou a laboração depois de o Tribunal Administrativo e Fiscal de Castelo Branco ter aceitado um providência cautelar logo em novembro, decisão que confirmou em janeiro deste ano.

RELACIONADOS

Centroliva: Autarquia de Ródão aprova despejo por unanimidade

Reconquista 0

A Câmara de Vila Velha de Ródão aprovou por unanimidade o despejo administrativo de uma edificação localizada no Monte da Ordem, propriedade da empresa Centroliva.

Ródão: Centroliva encerrada por incumprimento ambiental

Reconquista 0

A empresa que se dedica à produção de energia elétrica a partir da combustão de biomassa "não fez os investimentos com que se tinha comprometido há mais de um ano".

Centroliva: Empresa falhou, fechou mas promete reabrir

Lídia Barata 0

Após fiscalização a empresa comprometeu-se a cumprir os deveres de monitorização, mas não cumpriu. Foi, por isso, cautelarmente encerrada.

Ródão: Município solicita à APA intervenção na Centroliva

Reconquista 0

A Centroliva continua a ser um foco de preocupação no concelho de Ródão, pelo que a autarquia continua a pedir uma fiscalização mais apertada.

Ródão: Inspeção cessa atividade da Centroliva

Reconquista 0

Inspeção feita esta semana determinou “a cessação compulsiva da atividade de secagem de bagaço de azeitona". É a segunda decisão do género em menos de um ano.

Centroliva: Tribunal levanta provisoriamente suspensão da laboração

Lídia Barata 0

O Tribunal Administrativo e Fiscal de Castelo Branco confirmou a 11 de janeiro a decisão que já tinha tomado em 28 novembro de 2017, quando aceitou a providência cautelar interposta pela Centroliva e "decretou provisoriamente a suspensão da eficácia dos despachos proferidos pela IGAMAOT.

 

Centroliva: Populares exigem intervenção das autoridades

Reconquista 0

Um grupo de cerca de 600 munícipes de Vila Velha de Ródão apresentou um abaixo-assinado que exige a intervenção efetiva das autoridades ambientais na empresa Centroliva

COMENTÁRIOS